O homem pensa.
A mulher sonha.
Pensar é ter cérebro.
Sonhar é ter na fronte uma auréola.
O homem é um oceano.
A mulher é um lago.
O oceano tem a pérola que embeleza.
O lago tem a poesia que deslumbra.
O homem é a águia que voa.
A mulher, o rouxinol que canta.
Voar é dominar o espaço.
Cantar é conquistar a alma.
O homem tem um farol: a consciência.
A mulher tem uma estrela: a esperança.
O farol guia.
A esperança salva.
Enfim, o homem está colocado onde termina a terra.
A mulher, onde começa o céu!
Victor Hugo
Nem sempre, porém, a ignorância imobiliza. Quando comandada pela intuição, pelo ideal e pela decisão de vencer, de conquistar, torna-se uma força a caminho da verdade ou da vitória. Se Vasco da Gama soubesse mais e sonhasse menos, teria recuado diante do cabo das Tormentas. Se Colombo fosse bom cosmógrafo não descobriria a América. E vale ainda lembrar de Saussure, o segundo homem a subir no Monte Branco, foi um sábio. O primeiro foi um pastor: Balmat. O que não invalida, é claro a ciência, nem desvaloriza o sábio. Victor Hugo
País da safadeza onde ninguém ama ninguém, sinônimo de amar é andar de Citroen.
O amor é existente então trate de procurar, em meio a toda essa miséria tem salvação ao seu olhar.
Não desista, levante a cabeça e siga com fé, apesar de todas as tristezas algumas pessoas te querem de pé.
Ame,viva e não deixe de agradecer, são as coisas simples que vão completar você.
Se um dia não aguentar prosseguir lembre que já esteve pior, se esse for o seu pior momento sabe-se que haverá o melhor.
Não desista de si mesmo isso não vai adiantar, além de todos se entristecerem você não se sentirá melhor.
Victor Hugo
Pinguins
Os pinguins são aves marinhas que não voam e que podem ser encontradas na Antártida, Nova Zelândia, sul da África, Austrália e América do Sul. Bons caçadores, os pinguins se alimentam de crustáceos, moluscos, peixes e pequenos animais marinhos. Eles possuem outras características importantes principalmente do macho que é o animal mais fiel que existe, ele fica com sua parceira até o final da sua vida ou até ela falecer, um animal tão inofensivo mas que tem uma característica que boa parte dos seres humanos não são capazes de compreender, é por isso que eu te aceitei pelo motivo de você ser um pinguim monogâmico, um simples animal que sabe o conceito, que está perdido dentro de um buraco lá no fundo por pedras difíceis de retirar chamada: FAMÍLIA. Eu te amo por isso sempre acreditei em nós e na vida que poderiam ter, eu não desejaria muito apenas um pouco de simplicidade as vezes na realidade eu desejo te levar para Antártida fazer aquela casa de blocos de gelo que vimos em filmes, caçar nossa comida e viver num belo frio e aconchegante como os pinguins que são animais fies que lutam para mostrar ao mundo que a base sempre será a família e que esse conceito começa com uma dupla, então não perca tempo aceita meu convite levanta de onde estiver e venha ser minha pinguim prometo em mim ser o melhor parceiro, o melhor caçador, o melhor protetor até temos nossa cria e educarmos a eles serem verdadeiros pinguim monogâmico.
Victor Hugo
O homem é a mais elevada das criaturas.
A mulher, o mais sublime dos ideais.
Deus fez para o homem um trono; para a mulher fez um altar.
O trono exalta e o altar santifica.
O homem é o cérebro; a mulher, o coração. O cérebro produz a luz; o coração produz amor. A luz fecunda; o amor ressuscita.
O homem é o gênio; a mulher é o anjo. O gênio é imensurável; o anjo é indefinível;
A aspiração do homem é a suprema glória; a aspiração da mulher é a virtude extrema; A glória promove a grandeza e a virtude, a divindade.
O homem tem a supremacia; a mulher, a preferência. A supremacia significa a força; a preferência representa o direito.
O homem é forte pela razão; a mulher, invencível pelas lágrimas.
A razão convence e as lágrimas comovem.
O homem é capaz de todos os heroísmos; a mulher, de todos os martírios. O heroísmo enobrece e o martírio purifica.
O homem é a águia que voa; a mulher, o rouxinol que canta. Voar é dominar o espaço e cantar é conquistar a alma.
Enfim, o homem está colocado onde termina a terra; a mulher, onde começa o céu.
Victor Hugo