Amar você...
É transpirar pelos poros o amor
É dançar ao som da melodia harmoniosa
Dos pássaros,
É tocar as estrelas levitando no teu Céu
É inundar o mar que se derrama de mim
Fundindo-se em ti...
É andar em pleno deserto de um oásis sem fim
É ter o cheiro de flores em todas as primaveras de nós
É ser Sol abrasador queimando nas asas do amor
É ser Lua escandalosa uivando como loba faminta
É ter a natureza toda tatuada em meus sentidos febris
Amar você é ser facho de luz iluminando qualquer
Caminho na escuridão...
É ser chão, ser asas, ser nuvem, ser brilho, é ser verso...
Inverso anverso pulsante nas entranhas todas do meu ser...
É ser vida “viva” ardendo e pulsando em você.
Menina dos Olhos
A menina que vive em mim
Sonha acordada
Os contos de fadas
Não se preocupa com as horas
Nem com partidas
Ou chegadas
A menina que vive em mim
Desenha estrelas
De cinco pontas
Em cadernos de brochuras
Não se atem a medos
Regras ou frescuras.
Não pensa nos anos
não tá nem aí
pro tempo
A menina que vive em mim
Vive os sonhos
Não lamenta os enganos
E se veste de mulher
De vez em quando
No espelho da realidade
Mas ela insiste a viver em mim
Pra dos sonhos
Não sentir saudade.
Menina dos Olhos
Eu seria mais feliz se pudesse ter o domínio de todas
as adversidades.
E dominasse todas as situações de uma forma
elegante e crente.
Mas sou apenas uma simples mulher...
Intuitiva maternal solidária companheira e feliz.
Mas sou apenas uma simples mulher...
Apaixonada envolvente carinhosa teimosa e manhosa.
Com sonhos extravagantes de motivos que talvez não saiba se
realmente acontece se é bom ou não.
Mas sou uma simples mulher...
E sabem com todas as luzes de glamour jamais
deixarei de ser o que sou.
São conquistas de alternativas que me dão suporte
e me completam.
Termino esse poema com uma frase que não é minha.
"Não tenho tudo que amo mas amo tudo que tenho."
Menina dos Olhos
Sou côncavo e convexo.Essencialmente bela.
Beleza interior.
Sou sonhadora.
Se me perco, sigo em frente.
Me (re)invento.
Não sou metade, sou inteira.
Me entrego por inteira.
As vezes enlouqueço, me permito ousar.
Não gosto de coisas mornas.
Prefiro o fogo.
Fogo é vida.
Somente o fogo me explica.
No fogo me perco.
No fogo me acho, me encaixo.
Sou intensa.
Não sou burra e nem santa.
Para que ser santa?
Já nem sou mais criança.
Apesar de travessa.
Sou esperta.
Leio as entrelinhas.
Sou mais riso que pranto.
Sou o que vivi.
E, tudo que ainda vou viver.
Transparente.
Sou dia e noite.
Em noites de lua cheia me transformo.
Sou loba.
Conheço minha alma e meu corpo.
Misteriosa.
Imperfeita e Inconclusa.
Dona do meu nariz.
Das minhas vontades e são muitas.
Complexa.
Então, não procure me entender.
Apenas me ame, sem querer.
Menina dos Olhos
Com as mãos cheias de sonhos, fui para o campo, fazer o plantio. E semeando a cada um deles eu pude perceber o quanto são valorosos. E resolvi vê-los crescer e os vi tão desenvoltos, que abriu sob minha cabeça um céu de esperança e sobre os meus pés um mar de amor... E quando comecei a colher os sonhos que cresceram diante dos meus olhos, emaranhado ao meu corpo como se saíssem de mim feito galhos de arvores, entendi que sonhar é preciso... Menina dos Olhos
Doces Lembranças do nosso
Amor..
Não quero lembrar que o sonho acabou...
Quero apenas lembrar das juras de amor..
Dos momentos em que me acariciava com palavras...
Dos momentos de ternura e encanto que foi o nosso amor...
Ainda lembro dos sonhos que tivemos juntos...
Nestes sonhos lindos me deitava em teu colo
e ali ficava até o amanheçer...
e escutava bem baixinho você me dizer...
" Meu amor.... Sempre vou amar você ..."
Quero apenas as Doces Lembranças do nosso Amor...
E acreditar que o sonho não acabou...
Menina dos Olhos
Sou tua vontade expelida
Pelos poros pelas entranhas
Devassando sua vida
Fazendo-te ser menina, mulher fatal,
Sem ternuras, sem frescuras
Levando-te a loucura sem conter
A ousadia que de ti ninguém possui
Mas em mim se dilui.
Sou tua febre sou teu cio
Que exala pela boca a vontade
Que provoco em teu corpo arrepios
Dos desejos mais ousados por você
Experimentados de mim profanados.
Sou a papoula do seu jardim
Santificado da essência dos delírios
Que dá vida afrodisíaca em ti.
Menina dos Olhos
MEU CHEIRO É PAIXÃO!
Exalo você...
estou invadida de você...
e como mulher apaixonada...
sinto seu toque a todo instante...
sinto o quanto você me penetra com sua alma...
e sinto você tatuada no meu ser...
como presença física...
como toque de essência...
você vem...
e me toma para si...
te respiro...
me respiras...
entras como doce bandida...
e sai de mim ...
nos meus poros...
como o mais suave perfume...
o perfume da paixão...
O PERFUME DE VOCÊ!
Menina dos Olhos
Coisinhas para cuidar
.
Junte
Sentimentos
Como se coubessem
Numa caixa...
Mexa bem!
Depois, separe um a um
O que for sonho
Deixe lá dentro...
Saudades
Deixe alguns
Pedaços
Faz bem!
Amor...
Guarde com cuidado
É essencial...
Tristeza
Ah! Enrole em um papel
Amarre com correntes
E jogue longe,
bem longe
Onde seus olhos
Jamais alcance...
Amizade?!
Nem se preocupe
Foi dada a todos os anjos
E você tem bastante
Pode presenteá-la
A todos que te adoram...
Verdadeiramente.
Menina dos Olhos
Hoje eu roubaria você para mim! Levaria para
uma casinha que construí nos meus sonhos. Ela
pequena, no meio do mato, mas lá tem um lindo
Pôr-do-Sol.
Ficaríamos na varanda, sentados em um
balanço, vendo as horas passar. Me aninharia segura
em seus braços. Tudo ao som de uma sinfonia de pássaros.
Quando a noite chegar e a Lua começar a clarear.
Nos deitaríamos em uma rede colocada entre a goiabeira e laranjeira.
Eu te falaria sobre as estrelas.
Nos Amaríamos ali. Tendo somente a Lua como cúmplice.
Em frente esta casinha tem uma plaqueta escrito:
“Aqui mora o Amor!”
Eu juro, hoje eu roubaria você para Mim.
Beijo-te com Carinho.
Menina dos Olhos
SONHO UMA REALIDADE
"Eu sonhava...
eu imaginava...
eu queria...
eu pressentia...
eu esperava...
eu não conhecia...
EU NÃO SABIA O QUE ERA AMAR...
eu não sabia o que significava o amor...
e parecia apenas sonho...
procurei...
esperei...
sorri...
chorei...
vivi...
morri...
e agora ...
ressuscitei!
agora vivo!
agora sinto!
agora sonho uma realidade...
não quero acordar desse sonho...
porque sonhar faz parte de mim...
faz parte de você...
somos almas afins".
Menina dos Olhos
Sou metade ou sou inteira?
Sempre me pergunto e
não encontro resposta,
se na vida, ando com
a minha alma exposta.
.
Sei que sou mulher guerreira!
não posso deixar de ser inteira,
fragmentos são partes que te dei
e não destes a importância
que terias que sentir
como emoção verdadeira.
.
Parte do inteiro é o meu amor
que foge para o eterno vazio
de mim mesma.
Nem sei se amo ou se procuro amor!
Sei apenas que tenho na alma
a explosão de sentimentos
que me faz permanecer de pé
desafiando a vida, sendo
uma pessoa inteira e verdadeira.
Menina dos Olhos
E foi assim que chegou...
Semeou amor e ternura no meu coração.
Dia após dia, dosou o carinho que aqueceu
Meus dias solitários. Foi quando me vi apaixonada.
Minhas palavras acompanhando
As suas no ritmo doce e envolvente
Da melodia dos que amam por inteiro,
Por igual... Anulei temores, esqueci mágoas...
Quis ser feliz com seu jeito de viver o amor...
Sem saber, me abrigou na suavidade
Tímida em que revelava um doce querer...
E foi assim... Sem saber que me fez
Senhora dos seus sentimentos...
É dono de tudo que agora sou...
Te amo...
Menina dos Olhos
Perdido nos caminhos da vida,
perseguindo um Amor,
que já não sentes...
que não está lá, ou talvez nunca
tivesse existido...
Enquanto isso...
mergulhado nas sombras
de um Ontem, que se mistura com o Hoje,
mostra-me um Amanhã sombrio,
e sem esperança...
Tento ser forte, lutar...
lutar por algo que eu sei valer a pena...
mas... já lutei tanto...
as forças começam a abandonar-me...
começo a sentir-me afundado
em nuvens de desalento...
que me asfixiam...
que me cegam em ondas de escuridão,
tirando-me o Norte...
roubando-me o sentido do senso...
Perdidos nos caminhos da Vida...
continuamos a perseguir o mesmo erro?
Talvez sim, Talvez não...
O mestre, o grande mestre, aquele que
tudo cura, se encarregará de nos pôr
no verdadeiro caminho ...
Menina dos Olhos
Olhando as estrelas
numa noite ao luar
segredos magias eu vou encontrar
e o meu coração eu vou soltar .
Vou ler histórias de amor e imaginação
onde o mundo é fantasia ,nada é real
vou ler histórias de mil dragões
e contar com todos os corações!!
numa noite ao luar
segredos magias eu vou encontrar
e o meu coração eu vou soltar .
Vou ler histórias de amor e imaginação
onde o mundo é fantasia ,nada é real
vou ler histórias de mil dragões
e contar com todos os corações!!
Menina dos Olhos