"Antes do aparecimento do espelho a pessoa não conhecia o próprio rosto senão refletido nas águas de um lago.Depois de certo tempo cada um é responsável pela cara que tem.Vou olhar agora a minha.É um rosto nu. E quando penso que inexiste um igual ao meu no mundo, fico de susto alegre.Nem nunca haverá.Nunca é o impossível.Gosto de nunca.Também gosto de sempre.Que há entre nunca e sempre que os liga tão indiretamente e intimamente?" Clarice Lispector