O Último Poema do Ano
Autor:LCF
1
Com a minha bebida, com os meus amendoins;
Havendo saudações entre colegas;
E risos até dizer “Chega!”;
É com honra que digo:
“Uma salva de palmas a quem sobreviveu!”
Que a felicidade nos bata à porta;
Pelo menos digo isto para mim. LCF